Surveillance
Self-Defense

Como se proteger nas redes sociais

Última revisão: 
30-10-2018
A versão em Inglês pode estar mais atualizada.

As redes sociais estão entre os sites mais populares na internet. O Facebook tem mais de um bilhão de usuários e o Instagram e o Twitter têm centenas de milhões de usuários cada um. De maneira geral, as redes sociais foram criadas a partir da ideia do compartilhamento de publicações, fotos e informação pessoal. Agora, elas também se tornaram fóruns de organização e discussão. Qualquer uma destas atividades pode ter por base a privacidade e o uso de pseudônimos.

Assim, é importante levar as seguintes questões em consideração quando utilizamos redes sociais: Como posso interagir com estes sites protegendo ao mesmo tempo em que me protejo deles? Minha privacidade básica? Minha identidade? Meus contatos e associações? Que informações quero manter privadas e quem será excluído do acesso a elas?

Dependendo das circunstâncias, pode ser que você precise se proteger da própria rede social, de outros usuários ou de ambos.

 

Dicas para levar em conta quando criar uma conta em redes sociais Anchor link

  • Você quer usar seu nome verdadeiro? Algumas redes sociais têm as assim chamadas “políticas de nome verdadeiro”, mas têm-se tornado menos rigorosas com o passar do tempo. Se você não quiser usar seu nome verdadeiro quando se registra numa rede social, então não o faça.
  • Ao se registrar, não dê mais informações do que é necessário. Se você está preocupado em esconder sua identidade, use um endereço de e-mail diferente e evite informar seu número de telefone. Estas duas informações podem identificá-lo invidualmente e podem associá-lo a diversas outras contas.
  • Seja cuidadoso quando escolher uma foto ou imagem de perfil. Além dos metadados da imagem, que podem incluir o local e a hora em que a foto foi tirada, a própria imagem pode fornecer informações. Antes de escolher a foto de perfil, pergunte a si mesmo: foi tirada na frente de sua casa ou do seu local de trabalho? Há algum endereço ou placas de trânsito visível na imagem, que possa permitir identificação?
  • Saiba que seu endereço de IP pode estar logado no momento em que você se registra.
  • Escolha uma senha forte e, se possível, ative autenticação de dois fatores.
  • Esteja atento às questões de segurança para a recuperação da senha, tais como “Em que cidade você nasceu?” ou “Qual o nome do seu animal de estimação?”, pois estas respostas podem ser extraídas dos detalhes disponibilizados em seus perfis de redes sociais. É recomendável dar respostas falsas às questões de segurança. Caso você escolha dar respostas falsas para ter ainda mais segurança, uma boa maneira de se lembrar das respostas é anotar suas respostas e armazená-las num gerenciador de senhas.
 

Verifique a política de privacidade da rede social Anchor link

As informações armazenadas por terceiros estão sujeitas às suas próprias políticas e podem ser utilizadas para propósitos comerciais ou compartilhadas com outras empresas, tais como empresas de marketing. Ainda que ler as políticas de privacidade seja uma tarefa praticamente impossível, é importante que você leia as seções que descrevem como os dados são usados, quando são compartilhados com terceiros e como o serviço responde a demandas de autoridades legais.

Redes sociais são, de maneira geral, empresas com fins lucrativos e frequentemente recolhem informações sensíveis para além daquelas que você forneceu explicitamente – onde você está, a quais interesses e anúncios você reage, que outros sites você visita (por exemplo, por meio do botão “curtir”). Considere bloquear cookies de terceiros e usar as extensões de bloqueio do rastreamento do navegador para garantir que as informações não estão sendo passivamente transmitidas a terceiros.

 

Altere as configurações de privacidade Anchor link

Especificamente, altere as configurações padrão. Por exemplo: você quer compartilhar as suas postagens com o público ou apenas com um grupo específico de pessoas? As pessoas podem encontrá-lo usando seu endereço de e-mail ou seu número de telefone? Você quer que a sua localização seja compartilhada automaticamente?

Ainda que cada rede social tenha suas próprias configurações únicas, é possível perceber alguns padrões.

  • Configurações de privacidade tendem a responder à questão: “Quem pode ver o quê?” Nesta seção, você provavelmente vai encontrar configurações relacionadas a pré-determinações da audiência (“público”, “amigos de amigos”, “apenas amigos apenas” etc. ), localização, fotos, informações de contato, tagging e se e como as pessoas podem encontrar seu perfil nas buscas.
  • Configurações de segurança provavelmente estarão mais relacionadas a bloquear ou silenciar outras contas e a se e como você quer ser notificado caso haja uma tentativa não autorizada de entrar na sua conta. Às vezes você vai encontrar configurações de login nessa seção – tais como a autenticação de dois fatores e um e-mail ou número de telefone para back-up. Outras vezes, essas configurações de login poderão ser encontradas nas seções de configuração da conta ou de login, junto com as opções para alterar sua senha.

Aproveite os check-upsde privacidade e segurança. O Facebook, o Google e outros sites grandes oferecem dispositivos de “check-up de segurança”. Estes guias, formatados no estilo de tutoriais, oferecem orientação, explicando as configurações mais comuns de privacidade e segurança ao usuário com uma linguagem simples. São uma excelente funcionalidade aos usuários.

Por fim, lembre-se que as configurações de privacidade estão sujeitas a mudanças. Por vezes, estas configurações se tornam melhores e mais detalhadas; por vezes, não. Preste atenção a estas mudanças para ver se qualquer informação que antes era privada passa a ser passível de ser compartilhada publicamente. Também fique atento a quaisquer configurações adicionais que lhe permitam ter mais controle sobre sua privacidade.

 

Mantenha perfis separados Anchor link

Para muitos de nós, manter separadas as identidades de contas diferentes é fundamental. Isto pode se aplicar a sites de namoro e paquera, a perfis profissionais, a contas anônimas e a contas em várias comunidades.

Números de telefone e fotos são os dois tipos de infomação a que se deve prestar mais atenção. Em particular, fotos podem sorrateiramente vincular contas que você pretendia que ficassem separadas. Isto é muito comum entre sites de namoro e paquera e perfis profissionais. Se você quer manter seu anonimato ou manter uma certa identidade separada de outras, use uma foto ou imagem que você não usa em qualquer outro lugar online. Para verificar, você pode usar a funcionalidade “reverse image search” [“busca reversa de imagens”] do Google. Outras variáveis que podem vincular as identidades são seu nome (ou mesmo apelidos) e seu e-mail. Se descobrir algum desses nomes num lugar onde não deveriam estar, não entre em pânico ou fique assustado. Em vez disso, pensa em pequenos passos: em vez de tentar fazer com que toda a informação sobre você desapareça da internet, foque em informações específicas, onde elas estão e o que você pode fazer em relação a elas.

 

Familiarize-se com as configurações de grupos no Facebook Anchor link

Grupos de Facebook  são, cada vez mais, espaços para ação social e para outras atividades potencialmente sensíveis. As configurações dos grupos podem ser confusas. Informe-se mais sobre as configurações dos grupos e, se os participantes estão interessados em aprender mais sobre as configurações de grupo, trabalhe em conjunto com eles para manter seus grupos de Facebook privados e seguros.

 

Privacidade é um esporte em equipe Anchor link

Não mude apenas as suas próprias configurações e o seu próprio comportamento nas redes sociais. Dê um passo além e converse com seus amigos sobre os dados potencialmente sensíveis que cada um revela sobre demais online. Mesmo que você não tenha uma conta numa rede social ou mesmo que remova o seu tag das postagens, ainda assim seus amigos podem identificá-lo, indicar sua localização e expor as conexões que têm com você, mesmo que não tenham a intenção de fazê-lo. Proteger a privacidade não significa apenas termos cuidado conosco, mas também cuidarmos de todos à nossa volta.

JavaScript license information